segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

07 coisas que todo cristão deveria almejar em 2014


Como dizia Carlos Drummond de Andrade, “quem teve a ideia de cortar o tempo em fatias, a que se deu o nome de ano, foi um indivíduo genial.” Isto porque, segundo o poeta, “doze meses dão para qualquer ser humano se cansar e entregar os pontos. Aí entra o milagre da renovação e tudo começa outra vez com outro número e outra vontade de acreditar que daqui para adiante vai ser diferente...”

À meia noite do dia 31 de dezembro deve ser muito mais do que o fim de um ano e inicio de outro. Na verdade, ao adentrar em 2014, eu e você, o devemos fazer na perspectiva da mudança. Ora, sonhos, metas e objetivos devem fazer parte de nossos projetos e expectativas. No entanto, é indispensável que neste momento da vida cada um de nós se preocupe com aquilo que Deus diz e pensa a respeito da gente. 

Na verdade, o final de ano é uma oportunidade impar que Deus nos dá para refletirmos sobre nossas ações, atitudes e caminhos percorridos no ano em que se encerra. Em momentos como estes, a oração de Davi é absolutamente propicia:

“Sonda-me, ó Deus, e conhece o meu coração; prova-me e conhece os meus pensamentos; vê se há em mim algum caminho mau e guia-me pelo caminho Eterno”. Salmos 139:23-24

Bem sei que geralmente as pessoas estão muito mais preocupadas com o que poderão conquistar no novo ano, do que pedir a Deus que perscrute as profundezas do ser. Davi, ao compor este salmo preocupava-se em descortinar sua vida diante do Senhor, até porque, ele sabia que pra ser bem sucedido na vida é indispensável andar nos caminhos do criador. 

Diante do exposto gostaria de elencar 07 coisas que todo cristão deveria ansiar no ano novo.

1- Viver para a glória de Deus. Todo cristão deve ter isso em mente, isto é, tudo aquilo que fizer deve visar a exaltação do nome do seu Salvador.

2- Uma vida mais santa e consagrada aos pés do Senhor.

3-  Aprofundamento das relações interpessoais proporcionando assim o fortalecimento da igreja local, onde amizade, companheirismo e fraternidade se fazem presentes.

4-  Maior dedicação a família e as relações familiares. Mais riso, menos choro;  mais festa, menos brigas; mais cumplicidade, menos discussões.

5- Maior compromisso com a Palavra de Deus e o Deus da Palavra. 

6- Uma vida mais profícua de oração.

7- Um desejo de crescer no conhecimento e na graça de Deus a fim de que Cristo seja glorificado através da pregação, testemunho e evangelização.

Pense nisso!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...