terça-feira, 7 de abril de 2015

Abnegação na vida cristã


O fruto da união do crente com Jesus Cristo é a abnegação, a qual inclui o seguinte:
1- A compreensão de que não somos propriamente nossos, mas pertencemos a Deus. Vivemos e morremos para Ele, em conformidade com a norma de Sua Palavra. Assim, a abnegação não é centrada no ego, como se dava com freqüência no monasticismo medieval, e sim centrada em Deus. Nosso maior inimigo não é o diabo, nem o mundo, e sim nós mesmos. 
2- O desejo de buscar as coisas do Senhor ao longo de nossas vidas. A renúncia não deixa espaço ao orgulho, à concupiscência e ao mundanismo. Ela é o oposto do altruísmo, porque ela equivale amor para com Deus. Toda a orientação de nossa vida deve ser em direção a Deus. 
3- O compromisso de rendermos a Deus a nós mesmos e a tudo o que temos como um sacrifício vivo. Então estamos preparados a amar os outros e a estimá-los mais do que a nós mesmos – deixando de vê-los como realmente são em si mesmos, e vendo a imagem de Deus neles.. isso erradica nosso amor por contenda e egoísta, substituindo-o por um espírito de mansidão e solidariedade. Nosso amor para com os outros, então, flui do coração, e nosso único limite de ajudá-los é o limite de nossos recursos.
_____________
Fonte: livro Espiritualidade Reformada
Onde adquirir: Editora Fiel
Por Joel Beeke
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...